Meia-Noite em Paris

"Uau" "O que?" "Fantástico" "AHAH" "Não pode!" Foi o que pronunciei enquanto visionava este filme. Meia-Noite em Paris é sem dúvida uma obra excelente de Woody Allen. É sem dúvida um grande filme e que mereceu em tudo o prémio para melhor argumento original. É sem dúvida uma história excelente e de relembrar. As voltas e reviravoltas que nos confundem, mas nos fazem compreender toda a volta que o nosso eu dá para chegar a uma simples conclusão e resolução de vida, é simplesmente fantástico. Um argumento muito bom fez-me apreciar este filme do principio ao fim.


Não só o argumento como a realização que mostra as características únicas de Woody Allen, que nos volta a surpreender e nos leva a uma viagem alucinante pela cidade de Paris. Com uma entrada, um pouco extensa, mas mostrando belas imagens da cidade de Paris levam-nos a conhecer todo o palco onde o resto da história se passará. Com um inicio um pouco atribulado e que nos leva a passar um pouco ao lado do que se está a passar, mas que depois se vai desenvolvendo e vamos percebendo de uma forma agradável e sempre chamativo o mágico ou estranho badalar da meia-noite que leva a personagem principal a um mundo fantástico.



Owen Wilson esteve aqui num papel excelente e que trabalho formidavelmente dando um carisma e uma pitada de humor fantástica à personagem. O simples olhar pasmo deste quando se depara com coisas que não estava à espera faz-nos soltar uma gargalhada. É uma interpretação excelente e que mostra o real potencial deste actor. Todas as interpretações estão formidáveis, mas temos mesmo de dar destaque a Owen Wilson por nos fazer agarrar muito bem à personagem.

Em suma temos mais uma obra de Woody Allen digna de todo o louvor e de todo o esplendor a que este realizador nos habitua. É incrível e surpreendeu-me completamente pela positiva, não estava à espera do que seria o filme, mas posso dizer que me agradou profundamente e que superou de todo as minhas expectativas. Meia-Noite em Paris acaba por ser um filme com uma mensagem simples e directa de que o presente não nos chega e precisamos sempre de mais e mais, é o filme que nos mostra aquilo com que muitos de nós sonha: "porque não viver naquela época, era tudo tão maravilhoso". É sem dúvida um filme a ficar na nossa memória.

8
Meia-Noite em Paris
Muito Bom
Eduardo Rodrigues
Escrito por:

Nascido em Coimbra, a residir bem perto e a estudar cá. Considero-me um geek, um devorador de filmes e adoro ler um bom Comic. Gosto de videojogos e adoro o mundo Nintendo. Tenho uma pequena coleção que vai desde a Mega Drive até à Wii U. Adepto quase fanático da Briosa e um assistente fervoroso no estádio.

Sem comentários:

Enviar um comentário