Área de Contenção | O Horror está de regresso ao Cartaxo

Área de Contenção - Encontros Internacionais de Cinema Fantástico e de Horror do Cartaxo volta acontecer na cidade do Cartaxo.

Nos dias 6, 7 e 8 de Novembro, em pleno espírito de Halloween, o Cartaxo prepara-se para ser invadido pelo melhor do horror e fantástico de todo mundo.



Este festival reúne os filmes em competição em diversas secções: longa-metragem, curta-metragem, animação, documentário, videoclip, nacional, regional (onde são incluidos apenas filmes realizados na região do Ribatejo) e filmes de estudantes.


Para além de uma grande seleção de filmes em competição vindos dos quarto cantos do mundo, o público vai ter a oportunidade de ver, no Centro Cultural do Cartaxo, uma homenagem ao grande actor Christopher Lee, sob o signo de quem o festival se rege este ano.

A pensar no público mais novo, a Área de Contenção apresenta uma secção muito especial de curtas-metragens de fantástico para os mais novos terem a oportunidade de participar neste festival.

A Área de Contenção - Encontros Internacionais de Cinema Fantástico e de Horror do Cartaxo reúne longas e curtas-metragens, documentários e filmes de animação vindos de Portugal, Reino Unido, Espanha, Itália, Estados Unidos da América, Canadá, Servia, China, França, México, Japão, Rússia, Argentina, Índia, Holanda, Brasil, Polónia, Israel, Grécia, Singapura, Irão, Roménia, Indonésia, Finlândia e Dinamarca, seleccionados por entre mais de três mil filmes inscritos no festival.

Os filmes em competição dividem-se nas seguintes secções: seleccção Oficial (Longas e Curtas-Metragens), Out Of The Box (Prémio do Público) e Monstros Debaixo da Cama.

Na homenagem a Christopher Lee, a Área de Contenção apresenta ainda alguns dos filmes que marcaram a carreira deste actor, sendo que numa das sessões um dos filmes será apresentado pelo realizador e critico de cinema Lauro António. ​​



SELECÇÃO OFICIAL

Paranoia Park, de Bruno Mercier (França, 76)
…In The Dark, de David Spaltro (EUA, 81)
Slit Mouth Woman in L.A., de Takeshi Sone (EUA, Japão, 104)
III, de Pavel Khvaleev (Russia, 80)
Candlestick, de Christopher Presswell (Reino Unido, 83)
Buenas Manos, de Francisco Bendomir (Argentina)
Caradecaballo, de Marc Martínez Jordán (Espanha, 8)
Te Voy a Hacer Gritar, de Filip Martinovic (Espanha/Servia, 15)
Mi vanidad, de Francisco Bautista Reyes (México, 8)
Los caminos del Señor, Eduardo M. Clorio (México,14)
Mr.Dentonn, de Ivan Villamel Sanchez (Espanha, 9)
The Girl, de Shashwati Talukdar (India, 8)
Fumer Tue, de Lionel Kaplan (França, 6)
Plantae, de Antonio Bayardo (Mexico, 8)
Under the Hood, de Guido Franken (Holanda, 16)
I'm Christian Okoli, de Cyrus Trafford (Reino Unido, 6)
Analiens, de Joaquin Gil (Espanha, 12)
3 Wise Monkeys, de Miguel Ángel Font Bisier (Espanha, 7)
Cold, de Iván Martín Ruedas (Espanha, 7)
La última voluntad de Emilio Cancela, de David Caiña Pérez (Espanha, 9)
Judas, de Joel Caetano (Brasil, 10)
The Peripheral, de JT Seaton (EUA, 11)
A Tricky Treat, de Patricia Chica (Canada, 3)
Eat My Shit, de Eduardo Casanova (Espanha, 3.30)
Moustache from the Moon, de Sélim Atmane (França, 8)
The Cart, de Patrik Eriksson (Polónia, 6)
Naranjito, de Ignacio F. Rodó (Espanha, 1)
The Outcasts, de Tim Ellrich (Alemanha, 6)
Fishtale, de Guy Shahaf (Israel, 2)
Manias, de Santiago Capuz (Espanha, 12)
Mosaic Man, de Tomohiko Iwasaki (Japão, 4)
Dinner For Few, de Nassos Vakalis (Grécia e EUA, 10)



SELECÇÃO OFICIAL NACIONAL

Maria, de Joana Viegas (Portugal, 23)
Gasolina, de João Teixeira (Portugal, 15)
O Efeito Isaias, de Ramon de los Santos (Portugal,12)
Arcana, de Jerónimo Ribeiro Rocha (Portugal,11)
A Tua Plateia, de Óscar Faria (Portugal,10)
Ermida, de Vasco Esteves (Portugal, 9)
Bolor Negro, de Marta Pessoa (Portugal, 15)
Bilis Negra, de Nuno Sá Pessoa (Portugal, 18)
Earth 2084, de Nuno Sá Pessoa (Portugal, 15)
The Bad Girl, de Ricardo Machado (Portugal, 14)
Se o Dia Chegar, de Pedro Santasmarinas (Portugal, 9.30)
Os Palpites de Regina, de Diogo Figueira (Portugal,10)
Anjo Negro, de Pedro Horta (Portugal, 14)
The Punishment, de Nelson Ferreira (Portugal, 3.30)
Noturna, de Pedro Farate (Portugal, 5)
Killies, de David Rebordão (Portugal, 8)


MONSTROS DEBAIXO DA CAMA

El Don de los espejos, de Mara Soler Guitián (México,10 )
Jerminación, de Paúl Gómez López (Mexico, 10)
Milk, de Elizabeth Liu Xiujun Liu (Singapura, 4)
Route 52, de Jacinth Tan Yi Ting, Tok Xue Yi (Singapura, 6)
The Belief, de Amir Vahedi (Azerbeijão, 2)
Lingo, de Vicente Nirō (Portugal, 10)
That's Mine!, de Maryam Kashkoolinia (Irão, 6)
Entrevista de Emprego, de Thiago Penteado (Brasil, 14)
Kia Rex, de Yandong Qiu (EUA, 3)
Princess, de Eileen NTU (Singapura, 7)
Klementhro, de Ben Mitchell (Reino Unido, 4)


OUT OF THE BOX

Be My Cat: A Film For Annie, de Adrian Țofei (Roménia, 87)
Spammer, de John Iwasz (EUA, 8)
Kokeshi, de Paolo Del Fiol (Itália, 30)
Withdrawal, de M. Myrdal Muda (Indonésia, 10)
Game Over, de Cyrus Trafford (Reino Unido, 3.13)
Contagious, de Antti Jänkälä (Finlandia, 9)
Did you Bring Protection?, de Kyle Kelley (EUA, 3)
Inferno, de Ángel López (México, 2.33)
Glass, de Rob Carpenter (Canadá, 67)
Slit, de Colin Clarke (EUA, 11)
Total Animal III, de Tristan Guerlotté (França, 3.37)
Silent Phantom, de Matt Harris-Freeth (Reino Unido, 5)
Hellhounds, de Alessandro Correa (Brasil, 12.20)
Adam Minus Eve, de Aurélia Mengin (França, 26)
Magnificent Kaaboom!!!, de Zachary T. Whitmore (EUA, 9.35)
The Wolves, de Dominique Rochon (Canadá, 20.30)
Steve: Death Collector, de Missy Dawn (EUA, 91)
Killer Rack, de Gregory Lamberson (EUA, 98)
Høsten, de Kim Sønderholm (Dinamarca, 14)
Alba, de Lucas Castán (Espanha, 17)
Cabrito, de Luciano de Azevedo (Brasil, 20)
El Buen Mal, de Jokin Urruticoechea (Espanha, 10)

Área de Contenção

Encontros Internacionais de Cinema Fantástico e de Horror do Cartaxo
Cartaxo International Fantastic and Horror Film Festival
Portugal
6, 7 and 8 November 2015

Eduardo Rodrigues
Escrito por:

Nascido em Coimbra, a residir bem perto e a estudar cá. Considero-me um geek, um devorador de filmes e adoro ler um bom Comic. Gosto de videojogos e adoro o mundo Nintendo. Tenho uma pequena coleção que vai desde a Mega Drive até à Wii U. Adepto quase fanático da Briosa e um assistente fervoroso no estádio.

1 comentário: