Doutor Estranho

Doutor Estranho já chegou ao cinema e veio introduzir uma nova personagem de forma muito positiva. Chegou a 27 de Outubro de 2016 aos nossos cinemas e conta com o mais que conhecido Benedict Cumberbatch no papel principal. A realização está a cargo de Scott Derrickson, habituado a filmes de terror e um realizador com um cartório bem pequeno, mas que já mostrou alguns momentos interessantes de cinema.


Derrickson neste novo trabalho, parte para um género que não está de todo habituado ou propriamente à vontade, mas isso não o faz retrair ou destruir o filme, bem pelo contrário. Uma realização bem construída e com cenas muito interessantes. Momentos bem retratados e com uma apresentação incrível na sua grande maioria. Realmente um bom trabalho.


Além do conceituado Cumberbatch, que posso dizer ser um grande fã, o elenco tem também Rachel McAdams, Chiwetel Ejiofor, Mads Mikkelsen e Tilda Swinton. Um elenco repleto de qualidade e de grandes nomes, com todos a terem um papel bastante importante na construção do personagem e principalmente na sua ligação ao Universo Marvel.

McAdams surpreendeu-me mais uma vez, mostrando mais uma interpretação bem interessante, apesar da sua menor participação neste filme. Depois de Southpaw e Spotlight, com mais alguns títulos pelo meio, esta atriz mostra cada vez melhores momentos de cinema. Já o vilão levado a cargo por Mikkelsen, ficou um bocado aquém do que esperava. Não está uma desgraça, mas dentro da qualidade que o filme apresenta, acho que poderia ter ficado mais interessante. Mas foi Chiwetel Ejiofor que me intrigou mais durante o filme, incluindo nos pós-créditos. Acho a sua construção inconstante e nem sempre tudo faz sentido, mas quando à interpretação do ator, nada a dizer.

Em suma Doutor Estranho é uma ótima introdução ao personagem e coloca-o de forma segura no universo. Um filme interessante e divertido o suficiente para agarrar mesmo aqueles que são menos fãs do Universo. Podemos dizer que a Marvel sabe que está a fazer um bom trabalho e pretende manter as coisas bem-feitas, aproveitando a matança que a crítica faz à sua concorrente, a DC. Sem dúvida que a Marvel se encontra num caminho muito mais positivo e a qualidade está lá, resta saber por mais quantos anos se vai conseguir manter na ribalta, mas por enquanto segue por um excelente caminho.

7
Doutor Estranho
Eduardo Rodrigues
Escrito por:

Nascido em Coimbra, a residir bem perto e a estudar cá. Considero-me um geek, um devorador de filmes e adoro ler um bom Comic. Gosto de videojogos e adoro o mundo Nintendo. Tenho uma pequena coleção que vai desde a Mega Drive até à Wii U. Adepto quase fanático da Briosa e um assistente fervoroso no estádio.

Sem comentários:

Enviar um comentário