Homem-Aranha: Regresso a Casa

Atenção aos Spoilers!

O novo filme de Homem-Aranha finalmente chegou aos cinemas nacionais e internacionais. Quando este filme foi anunciado, os fãs ficaram super surpreendidos pelo tão rápido reboot. Será que as coisas iriam correr bem? Primeiro foi a história da Marvel Studios estar envolvida e isso já foi uma fantástica noticia. A parceria permite que que os estúdios, atualmente pertencentes à Disney, criassem este novo filme, apesar dos direitos de o personagem continuarem do lado da Sony. Além disso o herói aracnídeo ainda irá surgir no próximo filme d'Os Vingadores. Depois a escolha de elenco que vai desde Tom Holland a Michael Keaton. Tudo se foi revelando extraordinário e é assim que o filme termina. Extraordinário.


Tom Holland é uma fantástica estrela que representa muito bem aquilo que Peter Parker deve ser. Um jovem algo trapalhão que ainda está à procura de perceber como usar os seus poderes. Sempre gostei dos atores escolhidos para os filmes do Homem-Aranha, mas acho que esta escolha foi a mais fantástica. Michael Keaton é também um enorme vilão. Desde a sua personagem em modo "normal" até ao seu fato de Vulture. E que enorme surpresa que este personagem vem revelar na parte final do filme. E foi apenas uma das enormes surpresas da noite.


O filme está realmente surpreendente em vários aspetos. Desde a sua história cheia de momentos únicos, divertidos e de nos deixar de boca aberta. Duas horas em que a só penso: "Meu deus, isto parece que estou a ler um comic do Homem-Aranha!". Efeitos visuais como a Marvel Studios já nos têm habituado. Um Tony Stark mais desaparecido do que estava à espera. Um Happy que está presente mais do que estava à espera. Aquela piscadela à Iron Spider Armor. Uma bela introdução ao Sinister Six, bem melhor que aquela apresentada n'O Fantástico Homem-Aranha 2. O Michael Keaton finalmente é o Birdman.

Acho que dá para entender por este paragrafo o quanto gostei do filme. O humor está mesmo no ponto, uma espécie de mistura entre Guardiões da Galáxia e Deadpool, ou de forma mais concreta ao estilo de The Breakfast Club (Filme que serviu de inspiração a Jon Watts). Com momentos muito bons que se interligam de forma fantástica com toda a ação envolvida. E as referências! Bem, nem vou por aí que o filme está completamente repleto de referências a todos e mais alguns filmes.

E já que falei de Jon Watts em cima, este realizador que vem muito habituado a um mundo de independentes, teve aqui a sua hora de mostrar trabalho em grandes blockbusters. Um realizador ainda com pouquíssimos trabalhos no seu portfólio, mas que soube aproveitar da melhor forma possível a sua grande oportunidade. Muito bem escolhido e com um trabalho incrível. Está sem dúvida de parabéns.

Realmente este novo Homem-Aranha: Regresso a Casa está impecável e alcança o meu top de filmes relacionados com super-heróis. Um filme obrigatório para quem gosta do género e quem gosta de Homem-Aranha vai com toda a certeza ficar satisfeito com estas duas horas. E nunca se esqueçam:

A paciencia é uma virtude.
- Captain America 
9
Homem-Aranha: Regresso a Casa
Incrível
Eduardo Rodrigues
Escrito por:

Nascido em Coimbra, a residir bem perto e a estudar cá. Considero-me um geek, um devorador de filmes e adoro ler um bom Comic. Gosto de videojogos e adoro o mundo Nintendo. Tenho uma pequena coleção que vai desde a Mega Drive até à Wii U. Adepto quase fanático da Briosa e um assistente fervoroso no estádio.

2 comentários:

  1. Ainda não vi, o Homem-Aranha é o meu super-herói preferido de criança. Estou ansioso por assistir o filme, só leio críticas boas. Adorei a review, parabéns pelo blog :)

    Bitaites de um Madeirense

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Garantidamente que não vais sair desiludido. O filme está realmente muito bom :) Muito obrigado por teres aqui passado e espero que continues :D Obrigado.

      Eliminar