O Guarda-Costas e o Assassino

Ryan Reynolds está de volta para mais uma comédia cheia de ação. Quando inicialmente ouvi falar deste filme pensei que seria um filme de ação, com Samuel L. Jackson à mistura e outros nomes sonantes como Gary Oldman, Salma Hayek e Manuel de Oliveira, mas da forma como o filme se encontrava a ser promovido ficou no mínimo estranho para um filme de ação e foi assim que percebi que este filme é uma enorme paródia ao antigo filme O Guarda-Costas que contava com Kevin Costner e Whitney Houston. Os produtores de O Guarda-Costas e o Assassino aproveitaram a história de ideias semelhantes para promover o filme de forma a fazer-nos recordar o antigo e isso começou a criar algum interesse. Não tencionava ver o filme no cinema, mas surgiu a oportunidade, principalmente devido ao mau tempo e lá aproveitámos para ir ao cinema.


Tenho de admitir que as expetativas não eram muito altas, principalmente por esperar que Reynolds ainda estivesse demasiado incorporado na personagem de Deadpool e a verdade é que em alguns momentos é possível perceber essa ligação. A personagem ainda está muito encaixada no ator e tendo aqui um papel também dentro da comédia e da ação acaba por ser inevitável esta comparação. Apesar disso achei que o personagem estava suficientemente diferente para criar momentos únicos. Samuel L. Jackson é tudo aquilo que se pode esperar. Um personagem em tudo semelhante ao que Jackson já nos mostrou, mas com um toque de humor muito interessante.



A trama deste filme é toda ela bem simples e direta à conclusão esperada, contendo alguns momentos muito óbvios, mas igualmente algumas revelações que podem surpreender os mais desatentos. Uma película que acaba por ganhar pelo seu curto tempo de duração e pela sua comédia capaz de nos fazer soltar várias gargalhadas. Felizmente os trailers que vi não mostraram todos os momentos divertidos do filme, ficando assim algumas surpresas para nos deliciar.

No fundo temos uma comédia que tinha tudo para dar errado, mas acaba por divertir bastante e são garantidos muitos momentos de gargalhadas. Esta não é uma comédia recomendada para os mais novos tendo imensos palavrões ao longo das falas. Acho que não passa sequer um minuto sem que haja algum motherf*****. Por isso tenham muita atenção na decisão de levar os vossos filhos, sobrinhos ou afilhados. Juntem um grupo de amigos. Vão ao cinema e com certeza vão ter muitos momentos divertidos com o filme e com toda a companhia. Não temos um filme excelente e tem as suas falhas, mas não é de todo um filme horrível e apesar de achar que num todo é um filme de 6.5/10 mas acho que no final adorei o filme!

6.5
O Guarda-Costas e o Assassino
Satisfatório
Eduardo Rodrigues
Escrito por:

Nascido em Coimbra, a residir bem perto e a estudar cá. Considero-me um geek, um devorador de filmes e adoro ler um bom Comic. Gosto de videojogos e adoro o mundo Nintendo. Tenho uma pequena coleção que vai desde a Mega Drive até à Wii U. Adepto quase fanático da Briosa e um assistente fervoroso no estádio.

2 comentários:

  1. Oi Eduardo! A premissa não me atraiu muito, mas se surgir a oportunidade vou olhar, já que você falou que é divertido!

    www.estante450.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é um excelente filme, mas acho que para uma dose de gargalhadas vale a pena :) Experimente e depois diga o que achou :)

      Eliminar