Livro-homenagem: Celebração de talentos e percursos exemplares


Enquanto criador cultural, jornalista, autarca, cidadão activo e presidente da Sociedade Portuguesa de Autores (SPA), José Jorge Letria tem convivido com conhecidas personalidades da vida cultural portuguesa. Em Tão Perto de Mim, um livro-homenagem, o autor recorda momentos marcantes que viveu com grandes autores, muitos dos quais se tornaram seus amigos.
TÃO PERTO DE MIM 
José Jorge Letria
15x23
136 páginas
13,95 €
Nas livrarias a 15 de Novembro
Guerra e Paz Editores

SINOPSE:
Enquanto criador cultural, jornalista, autarca, cidadão activo e presidente da SPA, José Jorge Letria tem convivido com conhecidas personalidades da vida cultural portuguesa. Neste livro-homenagem, recorda momentos marcantes que viveu com grandes autores, muitos dos quais se tornaram seus amigos. António Lobo Antunes, Carlos Paredes, Vasco Graça Moura, Urbano Tavares Rodrigues e Matilde Rosa Araújo são apenas alguns exemplos. Assim como Mário Soares, Ary dos Santos, David Mourão-Ferreira, Humberto Delgado e Luís de Sttau Monteiro, entre tantos outros. O livro inclui ainda poemas dedicados a Eduardo Lourenço, António Ramos Rosa e Mário Viegas.

SOBRE O AUTOR:
José Jorge Letria. É ficcionista, mas também jornalista, poeta, dramaturgo. Nasceu em Cascais, em 1951, onde foi vereador da Cultura entre 1994 e 2002. Tem livros traduzidos em mais de uma dezena de idiomas e foi premiado em Portugal e no estrangeiro, destacando-se dois Grandes Prémios da APE, o Prémio Aula de Poesia de Barcelona, o Prémio Internacional UNESCO, o Prémio Eça de Queiroz – Município de Lisboa e o Prémio da Associação Paulista de Críticos de Arte. O essencial da sua obra poética encontra-se condensado nos dois volumes da antologia O Fantasma da Obra. Ao lado de nomes como José Afonso e Adriano Correia de Oliveira, foi um dos mais destacados cantores políticos portugueses, tendo sido agraciado, em 1997, com a Ordem da Liberdade. Pós-graduado em Jornalismo Internacional e mestre em Estudos da Paz e da Guerra nas Novas Relações Internacionais pela Universidade Autónoma de Lisboa. Doutorou-se com distinção em Ciências da Comunicação no ISCTE, em Setembro de 2017. É presidente da Sociedade Portuguesa de Autores e do Comité Europeu de Sociedades de Autores da CISAC. Zeca Afonso: O Que Faz Falta e Refugiados: 50 Vidas sem Pátria e com História são os seus livros mais recentes, publicados pela Guerra e Paz.
Cristiana Ramos
Escrito por:

Dividida entre o mundo da Ciência e o mundo Geek. Viciada em livros e em roer as unhas. Espectadora assídua no cinema, especialmente se aparecer um certo Deus com cabelos loiros. Adora filmes de terror. Louca por cães (quase de uma maneira doentia), mas eles são tão fofos! Romântica incurável (apesar de não admitir).  Fã de Friends, GoT e Big Bang Theory. 

Sem comentários:

Enviar um comentário