Saída de Emergência lança mais duas novidades


Em Defesa do Erotismo de Ana Alexandra Carvalheira
Chancela: Desassossego
Data 1ª Edição: 19/01/2018
ISBN: 9789899987593
Nº de Páginas: 224
Dimensões: [160x230]mm
Encadernação: Capa Mole


SINOPSE:
Como preservar o erotismo numa relação de longa duração? O casamento mata o desejo? O que faz crescer o desejo sexual?
Ana Carvalheira despe a pele de investigadora e assume a sua identidade como psicoterapeuta para nos responder a estas e outras questões que envolvem a jornada do prazer e os meandros e fragilidades do desejo sexual feminino e masculino.
Temas complexos como o orgasmo, a masturbação, as questões da masculinidade ou a função erétil são discutidas sem reservas, mas também temas geralmente negligenciados como o sexo na idade sénior ou as várias identidades sexuais emergentes. Um livro que revela as turbulências da sexualidade, as vicissitudes da resposta sexual, as alegrias e tristezas do erotismo, sempre com a clareza e a seriedade que o tema merece.

SOBRE A AUTORA:
Ana Alexanra Carvalheira.
Psicóloga clínica e sexologista. A sua atividade profissional divide-se
em três frentes: clínica, investigação e docência. Faz sexologia clínica desde 1997, foi presidente da Sociedade Portuguesa de Sexologia Clínica e é membro associado da International Academy of Sex Research. Doutorada em Psicologia da Sexualidade pela normativa de Doutoramento Europeu na Universidade de Salamanca (2006), fez Pós-doutoramento no ISPA – Instituto Universitário e no Sexual Health Laboratory, um centro de investigação da Universidade de British Columbia, em Vancouver, Canadá.
É professora auxiliar no Departamento de Psicologia Clínica do ISPA – Instituto Universitário e investigadora no William James Center for Research. O seu trabalho de investigação é publicado em revistas internacionais e desenvolve projetos a nível europeu.



A Amazona Portuguesa de Mário Silva Carvalho
Chancela: Saida de Emergência
Coleção: A História de Portugal em Romances
Data 1ª Edição: 19/01/2018
ISBN: 9789897730894
Nº de Páginas: 256
Dimensões: [160x230]mm
Encadernação: Capa Mole

SINOPSE
Inspirado na história verídica de uma jovem que, disfarçada de rapaz, conquistou honras e regalias no exército português.
Em 1580, nos arredores de Aveiro, nasce Antónia Rodrigues, uma menina de feitio rebelde e mão pesada. Aos 12 anos, a sua beleza já atrai pretendentes e, depois de agredir um mais atrevido, é forçada a fugir para Lisboa.
Mas a jovem não se adapta à vida da metrópole e os seus sonhos levantam voo quando observa as caravelas que partem para além-mar. Se ela ao menos tivesse nascido rapaz...
Inspirado em factos verídicos, Mário Silva Carvalho conta-nos a história desta amazona portuguesa que, disfarçada de rapaz, embarca para a praça-forte de Mazagão, em Marrocos. A sua valentia contra os mouros é tal que cedo se torna um dos militares mais respeitados pelos homens e cobiçado pelas mulheres. Os seus feitos foram cantados em toda a Europa e o próprio rei Filipe II conferiu-lhe diversas condecorações reais.
Se a heroína nacional estava esquecida, este romance cheio de ação e aventura corrige a injustiça de forma exemplar.

SOBRE O AUTOR
Mário Silva Carvalho. Licenciado em História pela Universidade de Coimbra. Iniciou as lides da escrita apenas depois de se aposentar da carreira de bancário. Em 2013 ganhou o Prémio Literário João Gaspar Simões com o romance Diário de um Carbonário, publicado em 2014. Recebeu também uma 1ª. menção honrosa nos Jogos Florais da Murtosa com o conto A Bicicleta do Juvenal. Em 2014 ganhou a 15ª Edição do concurso literário Prémio Dr. João Isabel com o conto O Regresso do Artur.
Cristiana Ramos
Escrito por:

Estudante no Mestrado em Biologia Celular e Molecular. Viciada em livros e em roer as unhas. Espectadora assídua no cinema, especialmente se aparecer um certo Deus com cabelos loiros. Adora filmes de terror. Louca por cães (quase de uma maneira doentia), mas eles são tão fofos! Romântica incurável (apesar de não admitir).  Fã de Friends, GoT e Big Bang Theory. 

Sem comentários:

Enviar um comentário