Tony Chu, Detective Canibal – Volume 6: Bolos Janados


Após o seu quase fatal espancamento no final do Volume 5, Tony Chu é colocado numa cama de hospital durante todo o Volume 6, e John Layman coloca a irmã gêmea de Tony no centro das atenções. Toni também tem “poderes”, ao morder algo vivo ela é capaz de ver o seu futuro (quem não queria algo assim?!). 

Toni é muito mais extrovertida e as suas aventuras, embora parecidas com as de Tony, tendem a ser mais bem-sucedidas, já que ela é mais capaz do que seu irmão canibalístico. Eu adoro a personagem de Tony Chu, mas a Toni é algo de fantástico. A personalidade de Toni é genuinamente dourada e despreocupada e eu adoro o modo como ela é totalmente feliz com os seus poderes. Layman faz um ótimo trabalho dando-lhe uma rica história com vários flashbacks engraçados, de modo que o final do livro, apresenta um efeito mais angustiante. 

Tony Chu sempre foi uma saga de comédia, mas Volume 6: Bolos Janados é sem dúvida o mais hilariante até agora. Lembram-se do Agente Poyo?! Está de volta e temos toda uma sequência de imagens e cenas de “Agente Secreto Poyo”, que nos vai fazer lembrar inúmeros filmes e cenas icónicos, ao estilo de James Bond! A melhor sequência de todas foi sem dúvida uma que se passa no inferno! A ideia está simplesmente genial! Linda, fantástica e de chorar de tanto rir. O Poyo dá cabo do próprio diabo! Tony Chu-Bolos Janados leva o agente Poyo como uma personagem secundária e transforma-o numa das principais atrações desta saga. No final do livro, vais adorar este pássaro completamente maluco. Poyo é um favorito óbvio, ele tornou-se uma figura anti-herói, invencível, determinada, ele é o Schwarzenegger das galinhas. Ele é Wolverine com penas.

Eu sei que digo isso sobre todos os livros da saga Tony Chu, mas Rob Guillory tem uma arte fantástica! O seu estilo é único e brilhante, desenhando os personagens de maneira limpa e detalhada, com um perfeito equilíbrio de cores e um incrível comando de expressão facial. Se olhararem atentamente para os painéis, verão todos os tipos “Easter Eggs”, como a sequência no inferno, onde há fotos de pessoas óbvias, tais Hitler, Bin Laden, etc., e depois, numa posição de destaque, há uma foto de Michael Bay!

E John Layman - o que mais há a dizer sobre este escritor? Ele faz tudo certo, apertando todos os botões certos, construindo e expandindo este mundo estranho e brilhante em algo ainda mais extraordinário do que já é. 

Se nunca leste Tony Chu, precisas de começar AGORA! Para os que já foram convertidos, o Tony Chu -Volume 6 não decepciona, e no final o coração pode apertar! Pelo menos, o meu apertou!


10
Tony Chu, Detective Canibal – Volume 6: Bolos Janados
De Culto
Cristiana Ramos
Escrito por:

Dividida entre o mundo da Ciência e o mundo Geek. Viciada em livros e em roer as unhas. Espectadora assídua no cinema, especialmente se aparecer um certo Deus com cabelos loiros. Adora filmes de terror. Louca por cães, mas eles são tão fofos! Romântica incurável (apesar de não admitir). Fã de Friends, GoT e Big Bang Theory.

Sem comentários:

Enviar um comentário