4DX: A melhor dimensão do cinema?


Com Vingadores: Endgame à porta, esta parece-me a altura ideal para vos falar sobre as salas de cinema 4DX. Afinal, este filme é quase um evento em si e vocês vão querer a melhor experiencia possivel.

No entanto, a minha última prova desta tecnologia (que também foi a primeira)  já foi em 2017. Por isso, e como "Endgame" até parece envolver algum tipo de viagens temporais, hoje irei entrevistar o Pedro-de-há-dois-anos-atrás, que é nada mais nada menos que a minha própria pessoa, mas de há dois anos atrás.

Pedro: Antes de mais, bem-vindo a 2019, Pedro-de-há-dois-anos-atrás.

Pedro-de-há-dois-anos-atrás: Ist'é bué-da marado.

Pedro: Não faças isso... Sê normal, pá. Põe a camisa para dentro, anda lá... Isto é um blog de qualidade... Bom. É do meu entender que acabaste de ir a uma sessão de cinema 4DX. Queres falar um pouco sobre o que é o 4DX?

Pedro-de-há-dois-anos-atrás: Já não te lembras? Foi só há dois anos. Não sei o que tens andado a tomar, mas deve andar a fazer-te mal.

Pedro: Sempre charmoso... Isto é uma entrevista. Responde à pergunta. Mais tarde agradeces.

Pedro-de-há-dois-anos-atrás: O 4DX é uma tecnologia que traz uma nova dimensão à audiência. Resumindo muito, além de poder incluir a já familiar experiência do 3D, o 4DX oferece ainda cheiros e movimentos, entre outras sensações. Por exemplo, as cadeiras mexem-se conforme a acção e perspectiva do filme. Além disso, se chover no filme, "chove" na sala, se nevar no filme, também "neva" na sala, e por aí fora. O objectivo é tornar todo o filme mais realista e ajudar a levar o espectador ao outro lado da tela. Por exemplo, se a aventura nos levar num velho avião sob o sol tórrido do Sahara, podemos sentir as vibrações da aeronave e um vento quente.

Imagem promocional internacional do filme "Como Treinares O Teu Dragão: O Mundo Secreto" para exemplo. Há vários modelos do 4DX e as duas salas portuguesas que existem neste momento podem não oferecer todos os elementos aqui publicados.

Pedro: Parece divertido, mas então e se não chover, nem nevar no filme? Se formos ver um filme com pouca acção como, por exemplo, o galardoado Green Book ou o Bohemian Rhapsody?

Pedro-de-há-dois-anos-atrás: Em primeiro lugar, nem todos os filmes são exibidos em 4DX. Em segundo, e como seria de esperar, uma experiencia destas pede que o filme seja bem escolhido. Um filme com um mínimo de ação irá provavelmente aproveitar as capacidades dinâmicas destas salas melhor do que um filme com um ritmo mais lento e que se foque mais nas personagens do que no ambiente.

Pedro: Então, em 2017, que filme te levou ao GaiaShopping, um dos dois únicos locais onde se pode experimentar o 4DX em Portugal?

Pedro-de-há-dois-anos-atrás: Bom. De facto, entre o preço da viagem e dos bilhetes, justificou-se fazer alguma pesquisa. Por isso, o filme que eu e a minha namorada escolhemos foi o Guardiões da Galáxia 2, que fomos ver no primeiro fim-de-semana após a estreia. Uma outra razão que nos levou a escolher esse filme foi o facto de James Gunn, o próprio realizador, ter dito que tinha tido em conta as capacidades desta tecnologia ao fazer o filme. Este pareceu-nos o filme ideal para ver em 4DX.


Pedro: Como correu a experiência?

Pedro-de-há-dois-anos-atrás: O primeiro ponto positivo apareceu assim que entrámos na sala. Apesar de ter acabado de estrear, a sala estava quase vazia, tal como gostamos. É como ter uma sessão privada. Escolhemos os nossos lugares e preparámo-nos para apreciar o filme. Assim que começou, as cadeiras começaram a mexer. Os movimentos são suaves e mesmo quando são mais bruscos não impedem o espectador de se levantar. Sendo bem sincronizados, realmente podemos concluir que acrescentam valor ao filme de forma muito positiva. As cenas no espaço funcionam particularmente bem e imagino que também sejam bem aproveitadas noutros filmes que tenham o mesmo cenário. 

Pedro: E quanto aos cheiros?

Pedro-de-há-dois-anos-atrás: É algo que parece depender da pessoa. Eu senti alguns que ela não sentiu e vice-versa. No geral, não tem nada de negativo, apesar de parecer ainda precisar de algum desenvolvimento. O olfacto não é um sentido que os seres humanos tenham muito apurado e, como é óbvio, alguém que esteja constipado não vai sentir muito.

Pedro: Já que usaste a palavra "negativo", houve algo menos bom que te tenha ficado na memória?

Pedro-de-há-dois-anos-atrás: Certamente, caro Pedro. Ocasionalmente, quando havia relâmpagos ou outro tipo de flashes no filme, o mesmo ocorria na sala. Infelizmente, é preciso ter noção que todos os efeitos que a sala oferece também implicam uma parafernália de máquinas penduradas no tecto. Ora, normalmente, essa maquinaria fica escondida na tradicional escuridão da sala de cinema, mas quando são simulados os relâmpagos, a escuridão desaparece e ficamos conscientes não só das paredes da sala, mas também dos cabos e máquinas.


Pedro: Isso realmente parece afectar a imersão no filme, mas não pode ser assim tão comum. Mais alguma coisa?

Pedro-de-há-dois-anos-atrás: De facto, não é muito frequente e irá depender do filme. No entanto, a certa altura do filme surgiram bolas de sabão. Ora, da mesma forma, o efeito foi replicado na sala, mas como o filme é uma projecção, as bolas faziam sombra sobre a tela e a ilusão do cinema era quebrada.

Pedro: Estou a ver. Mais uma questão sobre esses efeitos. Se chove na sala... não vamos ficar molhados?

Pedro-de-há-dois-anos-atrás: Como tu te deves lembrar, não. Note-se que os efeitos como a chuva, nevoeiro e neve dão-nos a sensação de humidade sem realmente molhar. Quanto à qualidade desses efeitos, varia muito consoante a cena e a maneira como são executados. Por vezes ficam bem, por exemplo, quando se resumem a diferenças na temperatura e à criação de uma espécie de nevoeiro. Outras vezes nem tanto, pois implicam que a água saia de uns orifícios em frente aos nossos assentos, que fazem um audível "psssst" enquanto nos atiram um pouco de humidade à cara. Depende muito.
Aproveito para deixar o alerta que, tal como em qualquer outra sala de cinema, estamos sujeitos à temperatura configurada no ar condicionado. Uma vez que nestas salas ainda temos alguma humidade, aconselho ir agasalhado para não sofrer com o frio.


Pedro: Muito bem. Para concluir, recomendarias?

Pedro-de-há-dois-anos-atrás: As cadeiras são confortáveis, os movimentos são excelentes e os outros efeitos podem ou não ser bem-vindos. Ou seja, algumas destas sensações realmente criam uma experiência de cinema mais profunda, mas outros efeitos acabam por ser nocivos e tirar da imersão criada pelo filme, pelo que acabam por ser contra-produtivos. Quanto a recomendar... Bem, ao preço de aproximadamente 12€ por pessoa, os resultados podiam ser bem melhores. No entanto, recomendo pelo menos experimentar, especialmente com um filme que saibam que irão ver novamente noutro formato, para comparação.

Pedro: Muito obrigado, Pedro-de-há-dois-anos-atrás, por partilhares a tua experiência. Espero que ajude algum dos nossos leitores. Vai lá à tua vida e, já agora, os números do Euromilhões do próximo sorteio são... Olha, já desligou. Que tipo mal-educado.

Antes de terminar, tenho algo para partilhar convosco. Ainda quentinho e acabadinho de traduzir, aqui fica algum do texto promocional do Vingadores: Endgame 4DX:

3 Razões para ver  Vingadores: Endgame em 4DX: 
#1 Os maiores produtores 4DX da história juntaram-se
Os melhores dos melhores produtores 4DX foram invocados para Vingadores: Endgame. Este é sem dúvida alguma o ponto épico da série Vingadores e os melhores produtores 4DX juntaram forças para completar uma produção 4DX mais detalhada. Com a sinergia destas mentes do 4DX, a audiência pode esperar a mais vívida batalha entre os Vingadores e Thanos. 
#2 A maior escala de produção 4DX até à data
Vingadores: Endgame é sem dúvida um dos maiores filmes do ano. Em termos de produção, elenco, espectáculo e história, é absolutamente imparável. É seguro dizer que este filme trará a melhor experiência 4DX de sempre e vai liderar 2019 na venda de bilhetes 4DX e provavelmente ultrapassar Vingadores: Guerra do Infinito, o segundo maior título de 2018 que foi o primeiro a ultrapassar a audiência de 2 milhões em 4DX a nível global. 
#3 A mais longa pesquisa sobre tecnologia 4DX
A tecnologia de movimento 4DX tem vindo a ser actualizada ao longo do ano passado e o fruto dos esforços para melhorar a experiência foram inseridos em Vingadores: Endgame 4DX.
Vingadores: Endgame 4DX, a colaboração perfeita entre a Marvel Studios e os engenheiros de movimento 4DX espera-se estar nos cinemas em Abril.

Mais ainda, segundo o 4DX, cada personagem tem efeitos e movimentos específicos para cada herói, algo que parece ter sido reforçado este ano. Conseguem adivinhar os seguintes? Deixem as respostas em comentário.


Depois desta conversa, o 4DX parece ter altos e baixos, além de pedir um bom investimento. A maioria dos portugueses terão que se deslocar a uma das capitais e pagar quase 4 vezes o preço de um bilhete normal, pelo que certamente não será algo para fazer todos os dias. Ainda assim, quando o rei faz anos, é algo a considerar para uma tarde de sábado diferente.

Obrigado por terem lido até aqui. Se já tiverem uma opinião formada ou mesmo dúvidas sobre este tema, não hesitem em escrever algo nos comentários. Até à próxima e tenham um dia mais geek.
Pedro Cruz
Escrito por:

"Spawned" em Aveiro no fim do início da década de 90, apreciador de amostras de imaginação e criatividade, artesão de coisas, mestre da fina e ancestral arte da procrastinação e... por hoje já chega. Acabo isto amanhã...

Sem comentários:

Enviar um comentário