Mystery Team


Mystery Team é uma longa-metragem de comédia produzida de forma independente pelo grupo Derrick Comedy, até então conhecido apenas por curtos sketches publicados no Youtube que acabaram por servir de financiamento deste filme.


Donald Glover, DC Pierson e Dominic Dierkes são as estrelas, Dan Eckman é o realizador e Meggie McFadden é a produtora, sendo o crédito da escrita distribuído pelos cinco. Além disso, neste filme também podemos ver a estreia em longas-metragens de Aubrey Plaza (Legion, Parks and Recreation) e Ellie Kemper (The Office, Unbreakable Kimmy Schmidt), além dos talentos de Ben Schwartz (Parks and Recreation, House of Lies) e muitos outros.

A história revolve em torno da Mystery Team (em português, "Equipa Mistério"), constituída por Jason, o mestre do disfarce (Glover); Duncan, o rapaz-génio (Pierson); e Charlie, o rapaz mais forte lá da terra (Dierkes).

Mystery Team parte dos traços gerais das histórias de grupos de amigos que resolvem mistérios, como "Uma Aventura", "Os Cinco" ou até (esticando um pouco) "Stranger Things", mas segue um rumo muito diferente.

Depois de se tornarem famosos enquanto crianças, os rapazes criam esta ideia de que esta é a sua identidade, ignorando algo tão inevitável como a puberdade, mas os anos passam. O que acontece quando eles crescem? Pois é, assim que a oportunidade bate à porta, eles lançam-se ao desafio, com tudo o que o mundo adulto traz à mistura: sexo, drogas e muitos palavrões. Desta forma, o filme subverte os clichés do género e mistura-os com uma dose de realidade, resultando numa história criativa e original.


Claro que não é perfeito. O orçamento limitado, o estilo à la sketch do grupo e a falta da experiência revelam um certo amadorismo. Pessoalmente, acho que esse amadorismo é parte do charme. Um grupo de amigos a construir algo por si é precisamente o espírito que se vive no Café Mais Geek e ver o resultado desse trabalho acaba por ser bastante motivante.

Por outro lado, a facilidade com que o humor vai do "inteligente" ao "piadas sobre cocó" é estonteante e, por vezes, faz lembrar comédias americanas de qualidade B, algo que poderá dividir a audiência.

Imaginem "Uma Aventura" misturada com a falta de restrições de "American Pie" e uma pitada de malandrice inocente de "Community", com todo o esplendor de uma produção de baixo orçamento sem grandes estúdios por trás. Está claro, portanto, que não é um filme para crianças.


Focando num dos actores principais, Glover anda agora em alta, tendo participado em grandes filmes como "Han Solo: Uma História de Star Wars", "Homem-Aranha: Regresso a Casa" e "O Rei Leão" (de 2019). Além disso, depois do seu papel em "Community", criou e participa na galardoada série "Atlanta" e ainda mergulha o pezinho no mundo musical sob o nome Childish Gambino. Por isso, outro ponto de valor neste filme é o revisitar o passado e ver os inícios da sua carreira, quando tinha menos pêlo na cara.

Resumindo, há piadas baratas e outras mais elaboradas, mas dado o conteúdo gráfico e o estilo cru imagino que seja um filme que ou se gosta bastante ou não se gosta de todo.

Dado o tamanho da produção, na altura tive que encomendar o DVD dos EUA, mas hoje em dia poderão encontrar o filme no Amazon Prime Video. 
Pedro Cruz
Escrito por:

"Spawned" em Aveiro no fim do início da década de 90, apreciador de amostras de imaginação e criatividade, artesão de coisas, mestre da fina e ancestral arte da procrastinação e... por hoje já chega. Acabo isto amanhã...

Sem comentários:

Enviar um comentário