Netflix entra no espírito natalício com filme “Klaus”

A Netflix, juntamente com os SPA Studios e Atresmedia Cine, apresenta Klaus, uma história criada e dirigida pelo espanhol Sergio Pablos, co-criador de Gru – O Maldisposto.

Klaus representa a primeira vez que a Netflix destaca talento português para dar voz às suas personagens. Luís Mascarenhas, reconhecido ator com envolvimento em diversas produções de televisão, cinema e teatro, dá voz a Klaus, um misterioso carpinteiro; César Mourão, comediante e rosto de inúmeras produções televisivas, dá voz a Jesper, um relutante carteiro com uma missão impossível; Mia Rose, atriz, cantora e veterana do universo digital, dá voz a Alva, uma destemida professora.
O filme foi realizado na íntegra nos SPA Studios, em Madrid, com uma equipa de artistas provenientes de mais de 22 países e conta com o envolvimento direto de dois portugueses: Sérgio Martins, Animation Supervisor e Edgar Martins, Supervisor do Story Department.
SINOPSE:
Jesper (César Mourão) é considerado o pior aluno na escola para carteiros e é enviado para Smeerensburg, uma ilha gelada sob o Círculo Polar Ártico, onde os habitantes mal trocam duas palavras, quanto mais uma carta. Jesper está prestes a desistir quando conhece a professora Alva (Mia Rose). Também descobre Klaus (Luís Mascarenhas), um misterioso carpinteiro que vive sozinho numa cabana cheia de brinquedos feitos à mão. Estas amizades improváveis fazem com que as gargalhadas regressem a Smeerensburg, criando assim um novo legado de vizinhos generosos, tradições mágicas e meias carinhosamente penduradas na chaminé.
Cristiana Ramos
Escrito por: Cristiana Ramos

Dividida entre o mundo da Ciência e o mundo Geek. Viciada em livros e viagens. Espectadora assídua no cinema, especialmente se aparecer um certo Deus com cabelos loiros. Adora filmes de terror. Louca por cães, mas eles são tão fofos! Romântica incurável (apesar de não admitir). Fã de Friends e Big Bang Theory.