Bloom N.º 1
Publicado a 20 Mar, 2023

Bloom é um romance gráfico escrito por Kevin Panetta e ilustrado por Savanna Ganucheau, que conta a história em torno de um jovem chamado Ari que trabalha na padaria da família e sonha em se mudar para a grande cidade e se tornar músico. Quando Hector, um rapaz misterioso com paixão pela jardinagem, é contratado como ajudante na padaria, Ari começa a interessar-se por ele  e juntos começam a cultivar um jardim, obrigando Ari a questionar os seus próprios sonhos.

A história é bem construída e oferece uma visão interessante sobre a vida de um jovem que ainda está a tentar descobrir quem é e o que quer fazer. Uma das partes mais interessantes de Bloom é a relação entre Ari e Hector, que se desenvolve gradualmente ao longo da história com cuidado e de forma envolvente. A dinâmica entre os dois é bem conseguida e mostra não só como uma amizade pode evoluir para algo mais, como também a descobrir o nosso lugar no mundo e que, por vezes, temos de aceitar que os nossos sonhos podem mudar.

Outra parte importante da história é a jornada de autodescoberta de Ari. Ao questionar o seu futuro e ao considerar a possibilidade de que talvez o que ele sempre quis não seja mais o que ele realmente quer, a história de Ari destaca a importância de sermos honestos connosco mesmos e de nos permitirmos mudar e crescer.

No entanto, isto não quer dizer que não há algumas falhas na história que acabam por torná-la previsível em certos momentos. A narrativa é simples e não apresenta muitas reviravoltas, chegando mesmo a existirem algumas cenas a parecerem um pouco forçadas. Além disso, alguns personagens secundários são tratados de forma muito superficial não recebendo muito desenvolvimento.

Ainda assim, a importância da história é significativa, pois apresenta personagens queer num contexto romântico e amoroso sem estereótipos ou julgamentos. A sexualidade dos personagens não é o foco da história, mas é um elemento natural da vida deles.

No geral, Bloom é uma leitura agradável que apresenta uma história cativante e personagens bem desenvolvidos. Embora não seja perfeito, é um romance gráfico que certamente vai encantar os leitores que buscam uma história sobre amizade, paixão e autodescoberta. A arte de Ganucheau apenas ajuda à beleza simplista da narrativa. Ao usar uma paleta de cores suaves e agradáveis, Savanna ajuda a criar um ambiente tranquilo e acolhedor com personagens bem caracterizadas e definidas, o que ajuda o leitor a conectar-se com elas.

Esta análise foi possível com o apoio da Penguin Livros!
Bloom 1: O Verão em Que o Amor Cresceu
Bloom
Bom
História:
Lançamento: 20 de Março de 2023
1/2
Distribuição:
7
  • Positivo
  • A arte de Ganucheau
  • História cativante
  • Representação nunca é demais
  • Negativo
  • História um pouco previsível
  • Narrativa é simples e não apresenta muitas reviravoltas
  • Personagens secundários pouco desenvolvidos
Escrito por:
João Simões
Viajante perdido à procura de sentido nas respostas dos outros. O personagem do Forky no Toy Story 4 em plena crise existencial é o meu animal espiritual. Quando ganhar um Óscar agradeço pelo meio à Cris e ao Ed se não me despedirem até lá.