Xbox Series X|S
Marvel Avengers – Vingadores na nova geração!
Publicado a 10 Abr, 2021

O videojogo Marvel Avengers, feito pela Crystal Dynamics e publicado pela Square Enix, chegou às consolas, PC e Stadia no passado dia 4 de setembro de 2020. No entanto, chegou agora uma atualização muito importante para a Xbox Series X|S e PlayStation 5, permitindo uma melhor resolução, mas principalmente melhor performance nas consolas mais recentes do mercado. Hoje estou aqui para vos falar um pouco de como este jogo se tornou melhor nas novas consolas, principalmente na Xbox Series X, onde joguei. É importante referir que foi a primeira experiência que tive com este jogo, não tendo por isso termo de comparação para a versão Xbox One. No entanto e conhecendo um pouco do que estava disponível no PC, posso aqui apresentar-vos algumas ideias daquilo que vão poder encontrar neste jogo.

marvels-avengers-1

A Aventura Começa

Não me vou centrar muito na história, visto que já existem imensas críticas sobre este jogo pela internet fora e mesmo aqui no Café Mais Geek podem encontrar algum conteúdo acerca do jogo. De qualquer forma, tenho de referir que esta foi sem dúvida uma sequência bem divertida. Não estamos a falar do jogo perfeito. Aliás, quando o jogo alcança um certo número de horas começa a tornar-se numa central de missões secundárias sem fim. A campanha começa a ficar despercebida no meio de tanto que temos para fazer. O problema é mesmo que essas missões são divertidas ao início, mas depressa se tornam algo repetitivas. A experiência começa rapidamente a degradar-se e o ambiente da campanha começa a ficar secundário.

Campanha essa que tem uma história suficientemente divertida para entreter do princípio ao fim, se fosse seguida. A questão deste jogo precisar do tão grande número de missões secundárias para se manter ativo durante mais tempo tornam tudo menos interessante. Aborrece-me rapidamente este género de situações e fica muito complicado saber o caminho que se está a seguir. Toda a emoção e experiência que a campanha pode estar a criar no jogador acabam dissipadas quando nos vemos obrigados a explorar um local que não interessa muito, com um objetivo que interessa ainda menos. Transformar um jogo num serviço não é incomum para muitas companhias nos dias que correm, mas estragar algo que nas primeiras horas realmente está bem construído é só um desespero para muitos jogadores.

Acabando por me alongar demasiado na sequência que referi que não ia explorar neste texto, mas esta situações causam-me alguma revolta. Principalmente quando a narrativa explora, em certa parte, uma das personagens que mais gosto dos últimos anos da Marvel.

Avengers de Nova Geração

Na nova atualização vão contar com algumas novidades. Desde a nova campanha com o personagem Hawkeye, mas também melhorias importantes para a nova geração de consolas. Que melhorias são essas? Bem, na Xbox Series X, e calculo que igualmente na PlayStation 5, poderão encontrar dois modos para jogar: Gráficos e Performance. No primeiro o jogo vai correr a 4K, com um framerate de 30fps, enquanto no segundo vamos jogar a 60fps, com resolução dinâmica a 1080p garantidos. Apesar da beleza do jogo ser sempre um aspeto importante e para muitos jogadores ser mesmo o mais importante, a fluidez adquirida pelos 60fps estáveis é notável e torna tudo muito mais agradável.

O jogo está agora nas consolas muito mais próximo daquilo que podem encontrar no PC. Relembrando sempre que PC’s de alta gama terão sempre experiências mais elaboradas, mas em relação ao preço da consola, temos aqui uma aposta certeira para quem quer uma experiência mais fluida e mais bonita, numa consola de valores entre os 299€ e os 499€. Sim, porque a experiência na Series S não fica atrás da Series X, principalmente quando jogamos em modo performance, com as duas consolas a terem prestações muito idênticas. Lembro que o modo Gráficos, na Series S acaba por ser menos interessante, devido à consola não fazer o 4k nativo como a sua irmã.

Marvel Avengers explora muito bem as novas consolas e consegue levar aos jogadores de consola para uma experiência mais próxima do conseguido nos PC’s. Tendo em conta os momentos que correm, onde o hardware gráfico está nas lonas, podem ter a certeza que não vão ficar mal servidos com estas novas melhorias.

Marvel nos Videojogos

A Marvel continua a fazer apostas muito interessante no mundo dos videojogos. Spider-Man na PlayStation, Avengers multiplataforma com a Square Enix, a Nintendo também tem a sua parte com um divertido Ultimate Aliance 3. Três jogos com as suas características únicas, mas que colocam o nome da Marvel em bons termos em qualquer uma das plataformas que joguem. Marvel Avengers é uma aposta quase certa. Tem muito conteúdo realmente bom e tem uma campanha divertida, mas que se perde no meio de um negócio que tantos jogos destrói: as microtransações.

Esta análise foi possível com o apoio da Square Enix!
Marvel Avengers
Bom
Distribuição:
Estúdio:
Lançamento: 18 de Março de 2021
7
  • Positivo
  • Campanha divertida e interessante com uma boa narrativa para super-heróis
  • Melhorias na performance oferecem uma experiência ainda melhor aos jogadores de consola
  • Alguns personagens são muito divertidos de se controlar
  • Negativo
  • Microtransações são o pior que este jogo pode ter
  • Demasiadas missões secundárias de pouco interesse e que nada oferece ao jogo além de longevidade falsa
Escrito por:
Eduardo Rodrigues
Considero-me um geek da cabeça aos pés. Adoro uma boa leitura, apreciar a arte da BD e da Manga, ver de uma assentada aquela série ou anime incrível, ir ao cinema e devorar um filme e deliciar-me com uma aventura interativa nos videojogos e nos jogos de tabuleiro. Sou um adepto da mágica Briosa e um assistente fervoroso no estádio.