The Last of Us – Episódio 1 – Primeiras Impressões
Publicado a 16 Jan, 2023

Grande estreia! Finalmente foi hoje lançado na HBO Max Portugal o primeiro episódio da tão aguardada série, inspirada no jogo com o mesmo nome.

Para os fãs do jogo esta série vai ser como um reviver da estória ou até mesmo perceber se os criadores da série fizeram jus ao jogo. O que não é o meu caso, visto que nunca joguei o jogo. Apenas ouvi falar do mesmo por amigas cosplayers. Por isso, estas primeiras impressões serão da perspetiva de uma pessoa que está a conhecer a estória e os personagens pela primeira vez, sem cair na tentação de comparar a série com o jogo.

Sendo assim, no primeiro episódio temos a estória a desenrolar em três anos: 1968, 2003 e 2023.

Em 1968, um epidemiologista num programa de televisão a falar da importância dos fungos. Em específico, de um que é capaz de fazer no ser vivo caso hajam alterações/mutações genéticas. Algo que pode ser muito preocupante para a humanidade.

É então neste contexto que passamos para o ano de 2003, no qual surge o nosso protagonista: o Joel. Ele é um veterano de combate que vive com a filha Sarah. No dia do seu aniversário, acontecimentos estranhos começam a acontecer e numa tentativa de fugir, a filha acaba por morrer.

Isto faz então com que avancemos no tempo. Para 20 anos depois, onde vemos um Joel mais vivido e endurecido com o tempo. Mais frio. Ele só pensa numa coisa. Ganhar dinheiro suficiente para poder ir embora e ver se o Tommy – o seu melhor amigo – está bem. Mas não está sozinho nesta demanda. Conta com a ajuda de Tess.

Nesta altura, o mundo está caótico. Só destruição e medo, pois temos duas frentes na linha de combate: a força militar (FREDA) e os “PIRILAMPOS”, os ditos terroristas. Tudo porque um surto fúngico assolou o planeta e querem mais do que tudo terminar com ele, sem saberem ao certo como.

É então que nos surge Veronica. Ou mais conhecida por Ellie, uma órfã que viveu na FREDA, local que acabou por fugir, indo parar às mãos dos “PIRILAMPOS”. Aqui ela conhece Marlene, que foi quem a protegeu aquele tempo todo. Ela vê nela uma espécie de milagre e quer a todo custo levá-la para um local seguro. Mas, como isso não é possível entretanto, ela acaba por pedir a Joel e Tess que o faça no lugar dela, sendo apanhados de surpresa. Todos saem a ganhar.

E é a partir daqui que a estória se irá realmente desenrolar. A verdadeira luta pela sobrevivência está apenas a começar…

A meu ver, pra quem não conhecia o jogo, posso dizer que simplesmente achei o episódio em si impactante, prende a atenção do espectador, explicando bem a estória. No entanto, existem algumas falhas. Algumas questões que ficam no ar e que à primeira não entendemos, mas que com o tempo passamos a perceber. Como por exemplo: o porquê da Ellie ter de ser protegida a todo o custo. No episódio em si não nos é dito com todas as letras (creio que está subentendido numa fala ou outra), mas se lermos com atenção a sinopse que a HBO Max nos dá, temos aí então a nossa resposta.

Nunca fui uma pessoa que goste muito de filmes ou séries que retratam a temática de sobrevivência ou até mesmo daqueles de ficção cientifica que abordam os problemas de causas naturais, causados pelas alterações do clima. Contudo, o plot desta série surpreendeu-me e tem me chamado a atenção desde o trailer. Fez-me ficar grudada à tela do meu telemóvel. Principalmente pelas cenas de suspense e um pouco de terror. Porque vamos ver, temos cada cena que só pensei: ” Que nojo!”. Para além disso, temos personagens carismáticos. Adorei a personalidade da Ellie! Inteligente, impulsiva e que não leva desaforo para casa.

Se isto foi assim apenas com o primeiro episódio, o que será que os próximos nos reservam?

Tenho altas expectativas nesta série e espero que não me defraude (porque seria muito mau). Mas creio que isso não vai acontecer.

Daí que… Geeks, vejam The Last Of Us! Não se vão arrepender e vai vos surpreender de uma forma positiva, querendo saber sempre o que vai acontecer no próximo episódio.

Assim que o virem, digam nos comentários o que acharam deste primeiro episódio. Se concordam com a minha opinião ou de forma diferente. O que esperam da série. Ficarei à espera das vossas opiniões!

Escrito por:
Diana Quintas
Sou uma pessoa que teve o seu primeiro contacto com o mundo geek desde 2011 e desde então o encanto não se quebrou. Adoro ler livros de romance, fantasia e sobrenatural e mangás, bem como ver animes (por temporada). Gosto um pouco de todos os géneros, menos o Terror/Horror. É raro ir ao cinema, mas não dispenso um bom filme em casa. Escrevo fanfics e histórias originais desde 2010 e faço cosplay desde 2012. Adoro cantar e tenho formação em História da Arte. Para além de tudo isto, ainda toco guitarra clássica (viola) e flauta e faço origami nas horas vagas. Como podem ver, sou uma mulher dos sete ofícios!