PlayStation 4
WRC 9 FIA World Rally Championship
Publicado a 30 Ago, 2020

A saga de videojogos baseados na principal competição de rally mundial está de regresso para mais uma edição e esta é particularmente especial, pois comporta um campeonato do mundo que se viu obrigado a um cancelamento devido à situação atual do COVID-19. Felizmente, o universo digital permite que os fãs da modalidade possam desfrutar e divertir-se a viver as aventuras de um piloto da WRC. WRC 9 FIA World Rally Championship é, tal como o título indica, o nono capítulo nesta nova saga de jogos, que arrancou com o desenvolvimento e distribuição a partir de uma equipa italiana até ao quarto título. A partir do quinto título passou então para as mãos da KT Racing, sendo a edição deste ano distribuído pela Nacon, uma equipa em grande ascensão e que tem surgido com grandes títulos no seu catálogo. É ainda de apontar que esta é uma saga a terminar em breve, pois apesar da confirmação pela KT Racing que irá desenvolver os próximos WRC 10 e WRC 11, a licença saltou para outras mãos.

https://www.cafemaisgeek.com/videojogos/wrc-muda-de-maos-nos-videojogos-em-2023/

A aventura começa da mesma forma que começou o ano anterior e quero desde já referir que as mudanças em grande parte do jogo não são muitas, principalmente quando olhamos para menus, interface do utilizador nos modos que o jogo oferece. Está tudo muito familiar e semelhante ao que conhecemos do ano passado. No entanto, e tendo em conta que nos últimos tempos tenho tido oportunidade de jogar alguns títulos lançados pela Nacon, este é sem dúvida o que tem o conteúdo mais agradável e completo. Talvez pelos anos que também já tem em cima, mas sem dúvida que é o jogo mais completo que experimentei da companhia. Apesar desta questão de não vermos grandes alterações no que toca à interface do jogo, a parte que importa mais foi definitivamente modificada e, apesar de ser apenas algumas nuances, é o suficiente para tornar a experiência mais agradável.

Deixem-me voltar um pouco atrás. Quando no ano passado peguei no WRC 8, já desde a quarta edição que não tocava num título desta saga e o jogo mudou muito ao longo destes anos. Algo que muitos dos fãs se queixavam era que não tinham uma verdadeira experiência do rally devido ao irrealismo presente. A verdade é que os primeiros títulos focavam a sua jogabilidade num formato mais próximo do arcade e, apesar de se ir aproximando do simulador, ainda havia um longo caminho a percorrer. Quando agarrei o controlo e abri WRC 8, o título estava já muito mais próximo da simulação do que o contrário, o que me levou a perder um grande número de horas tentando segurar o carro numa única etapa. Não encontrei grande diversão, pois apesar de achar muito bem a parte simulador, gosto que o jogo tenha um pouco dos dois lados, de forma a permitir que uma maior fatia dos jogadores possa apreciar estes títulos.

Julgo que este é um dos pontos onde este WRC 9 brilha mais. Na edição do ano passado, nunca consegui me entender com os controlos e com a condução do carro, por mais mudanças que fizesse às opções. Na edição deste ano, as mesmas opções parecem ter tido uma ação diferente quando começamos a conduzir. Quando fiz os primeiros testes, notei logo uma ligeira diferença que me agradou, mas começar o modo carreira não ajudou muito, pois Monte Carlo é difícil e desesperante. Senti que não tinha qualquer controlo sobre o que estava a fazer e os tempos pareciam cada vez piores, mas não desisti e fui avançando, explorando a forma como conduzir o carro e como puxar mais pelo seu poder. A partir daqui, as coisas foram melhorando e na Suécia, num rally em neve, tudo correu muito melhor. A linha de aprendizagem foi muito menos gradual que na edição do ano passado e acreditem que não perdi muitas horas nesse jogo, logo não tive tempo para me habituar a nada.

O jogo conta com um belo número de conteúdo para vos fazer passar imensas horas nas mais insanas etapas em torno do planeta. Para quem acompanha o WRC na realidade, a única questão menos interessante desta versão virtual é o número limitado de etapas, sendo que muitas vezes acabamos a fazer as mesmas em sentido inverso, algo que também é comum acontecer na realidade. Mas o número diminuto de etapas em cada país faz com que a grande maioria dos rallys saiba a pouco. Cá em Portugal, por exemplo, algumas das etapas passam aqui na minha região e a edição de 2019 do Rali de Portugal já contemplou essas etapas, tendo mesmo visto a apresentação em Coimbra. No entanto, nem a edição de WRC 8, nem a presente edição apresenta qualquer etapa na região centro nacional, deixando alguns dos mais loucos e insanos traçados fora do jogo. Julgo que este sempre foi um problema geral dos videojogos de rally e tenho sérias dúvidas que alguma vez vejamos o calendário completíssimo da WRC num videojogo deste calibre financeiro.

Por aqui vou continuar a explorar e desvendar os segredos deste jogo e finalmente poderei aproveitar tudo o que tem para oferecer. Questões como a árvore de habilidades que dá suporte durante o modo carreira e que tão pouco explorei na edição do ano passado, mas parece-me continuar aqui com a mesma força. A gestão da equipa e da nossa garagem é outro ponto importante neste modo principal. Estes pontos são muito importantes para nos agarrar ao jogo e fazer explorar cada um dos aspectos inerentes a ser um piloto/gestor de uma equipa de rali. O jogo permite ainda fazermos uma temporada completa, mas sem os problemas de gestão de equipa, vários desafios para realizarmos, modos de treino e ainda uma área livre de testes. Apresenta também o modo de ecrã dividido, que nos permite desfrutar de um rally bem competitivo com os nossos amigos.

Continuando também a grande aposta nos Esports, com a possibilidade de nos desafiarmos de forma muito competitiva contra os melhores do mundo neste jogo. Este é o modo que já tem vindo a ser um grande trunfo dentro da comunidade, contendo sempre eventos diários, semanais e ainda alguns eventos especiais, que nos permitem viver o rally mundial de outra forma. Este tipo de eventos mantém a comunidade ativa durante todo o ano e é interessante ver que mesmo com o lançamento do novo jogo já há porta, ainda temos eventos a acontecer na edição do ano passado, mostrando bem o interesse em manter a comunidade unida em torno desta franquia.

WRC 9 é um salto positivo numa longa saga de videojogos que já mostrou ter muito potencial em várias áreas. Para mim e de forma pessoal, senti que o controlo e os níveis de personalização permitem uma maior caracterização do jogo, chegando a uma fatia de público maior. Julgo que este ano vou voltar a agarrar-me a um jogo como já há muito o fazia, pois com toda a certeza irei voltar muitas vezes a abrir esta edição. Por enquanto, vou continuar a minha aventura pelo modo carreira e continuar a explorar as magníficas paisagens e etapas cada vez mais realistas que nos são apresentadas. Se és fã desta saga e jogaste o ano passado, então terás muito para explorar novamente com alguns aprimoramentos e novos eventos online. Pronto para ser o melhor do mundo no rally?

Esta análise foi possível com o apoio da Upload Distribution!
WRC 9 FIA World Rally Championship
Capa
Muito Bom
Distribuição:
Lançamento: 1 de Setembro de 2020
8.5
  • Positivo
  • Jogabilidade mais equilibrada para quem só quer umas horas de diversão
  • Ainda mais conteúdo adicionado ao jogo
  • Jogar com os clássicos é levar o nível de dificuldade ao extremo e torna tudo ainda mais interessante
  • Negativo
  • Em certas questões não acrescenta nada em relação ao ano passado
Escrito por:
Eduardo Rodrigues
Considero-me um geek da cabeça aos pés. Adoro uma boa leitura, apreciar a arte da BD e da Manga, ver de uma assentada aquela série ou anime incrível, ir ao cinema e devorar um filme e deliciar-me com uma aventura interativa nos videojogos e nos jogos de tabuleiro. Sou um adepto da mágica Briosa e um assistente fervoroso no estádio.